sexta-feira, 3 de junho de 2011

Relacionamentos

Ele reclama, finge e arde
Segura no peito o orgulho.
Ela, dura, triste e forte
Não quer fazer barulho.
Ele pensa em desistir
Ela logo em retribuir.

Uma outra chega exausta
Mas com sede de amar
A garota que a espera
Nem sequer lhe abraçar.
_ Uma dúvida que vejo
Por mim não há mais desejo.

Relacionamentos podem sim
Fazer um tudo no olhar,
Da simples rosa do jardim
À coisa mais bela que há.
Relacionamentos podem ser
De muitos, a esperança de viver.

Não te enganes com o que tu ouves
Nem sempre se pode confiar.
Saiba que nem tudo são flores
Nesse lance de amar.
Quanto mais se relacionar
Mais tu podes se frustrar.

Mesmo com lágrimas e sofrimento
Amar não é tormento.
Se dói ou se sangra
Não tenha medo de arriscar
A vida não é estranha
Quando há o que provar.

Imagem: capa DVD - filme: 'Orgulho e Preconceito'

Marlon Cássio

6 comentários:

  1. Nossa, gostei de mais, "Não tenha medo de arriscar A vida não é estranha
    Quando há o que provar." Tudo haver comigo.

    ResponderExcluir
  2. É isso. Sem medo de ser feliz!


    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. "Não tenha medo de arriscar
    A vida não é estranha
    Quando há o que provar."
    a vida só é estranha,quando nos acanhamos dela! :)
    Que doçura isso!
    Já é outro filme que vou colocar na lista para assistir.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. OI MARLON BOA NOITE!TE VI NO BLOG DA QUERIDA IRISMAR,VIM CONHECER SEU BLOG,GOSTEI MUITO!
    ESTAREI TE SEGUINDO.DEUS TE ABENÇOE.

    http://rittaoliver.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Pois então, apesar de você estar ao meu lado nesse exato momento... (e não prestarmos atenção, de forma alguma na aula de Literatura Portuguesa)...

    Sinto-me no dever de lhe dizer, o quanto me surpreendi ao ler seu poema. As palavras se tornam mágicas nas mãos de quem sabe usá-las. Fico feliz por agora poder participar desse mundo, sob sua visão.

    =]

    Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. Ai, que lindo, Jú. Muito obrigado por essas palavras tão meigas e carinhosas.

    ResponderExcluir