quinta-feira, 23 de maio de 2013

Dentro

Eu só quero saber
Se alguém aí
pode ver
pode ouvir
pode sentir
pode decifrar
pode contribuir
pode sequer imaginar;
pode entender
pode acudir
pode aludir
pode amenizar
pode deduzir
pode - também - palpar
o que se passa dentro de mim.


Então permita meus passos,
dê os seus,
com pausas... compassos...
pontos.
Vírgulas,
e todos os possíveis achos;
Mas cuide do interior,
quem olha dentro de mim: só Deus.
É Ele quem sabe do meu íntimo.
 E por mais que eu seja ínfimo
Ele me ama de igual modo à você.
Lembre-se:
Somos tão grandes em ser pequenos
que a maestria que temos é de sermos tão nada.
Viu??

Se alguém aí souber
o que passa dentro de mim
permaneça sabendo - em silêncio -,
pois talvez ainda precise descobrir o dentro de si.

Marlon Cássio

2 comentários:

  1. Belo poema , adorei ^^ será que posso pegar fragmentos dele ?rs :)

    ResponderExcluir
  2. Claro, Suelen. É só dar os créditos...rsrs

    ResponderExcluir